Insights: Hoje eu sou quem eu quiser! Ou não.

Tá legal, pode não ser lá essas coisas falar da internet, na internet. Uhum, certo. Mas fazer sentido não é um objetivo (no começo era, sempre é). Não vou aqui falar o que eu acho e não acho certo, ou o que é “cult” ou não. Porque na verdade é chato pra caramba!

O chato pra caramba que é o BOOM. (Sim, pra mim isso foi o BOOM… ah Marcelinho). Tem tantos sites, blogs, artigos, imagens e afins de como se portar nas redes sociais (leia-se Facebook, né?), de como montar seu perfil para “aparentar” “ser” sei lá, que diabos é, alguma coisa que você acha que é “da hora”. O povo é tão ridículo chato, que criam tipos de “amigos” e tipos de “posts” só para categorizar e classificar as pessoas.

Como dizia o Mano Brown (Racionais MC’s) : “Deixa a criança brincar”, e é isso aí! (Um salve, mano!). A internet hoje virou um lugar onde a pessoa se encontra (ou se perde, depende), é a hora que ela tem para se comunicar, para distrair, ouvir uma música, ver um vídeo, ler uma noticia (de fofoca, de celebridades, tá valendo!). Se ela posta coisas idiotas, se ela escreve errado (Não, isso não tem perdão, não), se ela posta fotos dela o tempo todo, sei lá, o que a pessoa fizer, acredite que vai ser criticado!

O que é o BOOM CHATO é o que acontece realmente, atrás, no backstage (acho que colocar uma palavra inglês dá credibilidade), é a pior coisa que pode acontecer. As pessoas que querem ser “corretas” na internet se podam ao postar qualquer coisa, reclamam dos outros e ainda por cima, cai na mesma, pois acaba passando uma imagem daquilo que realmente NÃO É. 

Tá aí uma coisa que eu não entendo, pra quê ter várias redes sociais se você vive se podando pra postar, ou ainda, só posta para passar algo que não é você. Hoje existe uma coisa escrota estranha no ar, você “tem que”. Tem que ser inteligente, tem que ser legal, tem que ter mais “like” (Viu, inglês de novo, ahá), tem que ter comentários. Que coisa chata! Chata, chata e mais chata! E nem vou dizer daqueles que tem redes sociais (Agora pode ser outras) e não postam nada porque não querem que saibam da sua vida (???).

Concordo que na internet você deve ter alguns cuidados, sim, mas até onde vale a pena cair na forma destrutiva do “tem que” no lugar onde você pode relaxar e se distrair?

Quer postar, posta! Quer mandar indireta, manda! Quer gravar vídeos, grave! Quer deletar tudo, deleta aê meu! Se cuide, mas não deixe de ser você, só pra ser algo que mais pra frente também vai ser criticado!

=P

Anúncios

Uma resposta em “Insights: Hoje eu sou quem eu quiser! Ou não.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s