Insights: Eles querem algo de você.

Provavelmente você deve conhecer a música “Sweet Dreams”, pode ser na versão do Eurythmics ou do Marilyn Manson (A maioria do povo acha que ele só tem essa música).

Tem um trecho da música que é simplesmente genial: “Everybody’s looking for something.
Some of them want to use you
Some of them wanna get used by you
Some of them want to abuse you
Some of them want to be abused” 

Tradução:
“Todo mundo está procurando alguma coisa…
Alguns deles querem te usar
Alguns deles querem ser usados por você
Alguns deles querem abusar de você
Alguns deles querem ser abusados”

Sim! As pessoas querem o seu amor, seu carinho, sua companhia, sua roupa emprestada, sua indicação na empresa, seu circulo de amizades, seu dinheiro, seu status, seu corpo (entendeu, né?), seu like, seu conhecimento, sua vida, etc. Pois é, dá uma sensação estranha pensar nisso, não é mesmo?

Todo mundo quer algo do outro, pode ser uma coisa positiva (Que não prejudica o doador) ou uma coisa negativa (Que prejudica o doador). Desde coisas bem simples até coisas enormes (Como aqueles planos malucos de filmes). As relações são praticamente baseadas nisso: Troca de interesses. Eu sei, é meio “desumano” pensar assim, mas querer o “amor” de alguém, não deixa de ser um interesse. Por exemplo.

Nem sempre é fácil perceber o que o outro quer de você, mas é simples entender que quando você não dá, o que o outro quer/espera, você é meio que vira algo do tipo: “Não vale mais, tá quebrado, joga fora”. E isso, isso sim é a decepção alheia (ou pode acontecer com você, também, não é?). Do mesmo modo que queremos algo de alguém, as pessoas querem algo de você. 

E aí que está o BOOM, quando não recebemos o que queremos de alguém, ficamos magoados, decepcionados, desapontados. Hum, sei como é isso! Mas não somos obrigados a dar aquilo que o outro quer, só porque ele quer. Quando damos alguma coisa, normalmente queremos algo em troca. Tá, aí é onde se forma um espécie de círculo vicioso. Eu faço isso, pra conseguir aquilo. Mas o círculo frequentemente é cortado, por um lado ou pelo o outro. (Aí começa a chorumela toda…). 

Se entregar, dar tudo de si a ponto de se prejudicar não é nada inteligente. Diria que isso é uma besteira, não funciona, ninguém vai gostar mais de você por isso, você vai parecer mais com um “fornecedor” do que com uma pessoa. E se fechar em uma redoma de vidro e só receber, também não é nada legal. Com o tempo as pessoas vão perceber e se irão afastar. Afinal, saco sem fundo cansa!

O ideal, é encontrar um meio, saber até onde você pode ir. Você pode se doar sim, mas se algo te prejudica, pense bem. E o mesmo acontece, se você está só recebendo, não está na hora de retribuir?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s